sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Caminhos abertos

Se posso caminhar assim, sempre
porque querem me impedir?
deixar as coisas como estão
partir para ficar bem
mas há alguma coisa a frente?
ou é só uma fachada a mais
de insólita discografia
que já conheço
de cores que já compartilho
de vídeos
que já namorei
de risos que já amadureceram
de cabelos longos
que já tive.
Se posso caminhar assim,
que seja breve
meu caminho
mas com muitas curvas
pois a vida é curta demais
com tantas coisas a fazer,
a sentir
o vento na face
coisas assim de frase fácil de gente qualquer
eu
sou
qualquer
e não estou nem ai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário